Frente Parlamentar de Energia Renovável (FER) realiza seminário sobre biogás e biometano no próximo dia 18

Por: Assessoria de Comunicação

A Frente Parlamentar de Energia Renovável (FER) promove, no dia 18 de agosto, às 10h, o seminário “A Importância do Biogás e do Biometano para uma matriz energética renovável”.  O evento conta com o apoio da Associação Brasileira do Biogás (ABiogás), da Associação da Indústria de Cogeração de Energia (Cogen) e da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica) e tem o objetivo de promover debates sobre a geração de energia renovável. 

Vice-presidente da Frente, o deputado federal Arnaldo Jardim adianta que no evento a FER vai apresentar o potencial do biogás e do biometano para a descarbonização da matriz energética brasileira, ampliando o conhecimento sobre essas fontes renováveis. A coordenação do seminário estará a cargo do presidente da FER, o deputado federal Danilo Forte (PSDB/CE) e a discussão vai contar com a presença de parlamentares, representantes dos ministérios de Minas e Energia (MME), Economia (ME) e Meio Ambiente (MMA), da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) e da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), e representantes da sociedade, com a presença das três associações apoiadoras e entidadades como a Fundação Getúlio Vargas (FGV). 

De acordo com o presidente da ABiogás, Alessandro Gardemann, a crise hídrica vem despertando o interesse dos parlamentares para as fontes renováveis, e o biogás tem atributos que podem aprimorar o sistema elétrico, com ganhos em sustentabilidade e segurança energética. “O primeiro passo é disseminar o conhecimento sobre o biogás, e este é o objetivo da Associação. Encontros como este são muito importantes para promover a fonte, que tem como atributos a sustentabilidade, a geração descentralizada e competitividade de preços. O Brasil tem um potencial enorme para o biogás, mais ainda pouco explorado, justamente por falta de conhecimento”, comentou. 

“O biogás também tem papel relevante para a descarbonização do transporte pesado da indústria, uma vez que o biometano (gás natural renovável) é o combustível com menor pegada de carbono no programa RenovaBio, reduzindo em 96% as emissões de gases de efeito estufa na comparação com o diesel”, destaca Arnaldo Jardim. 

Programação:  

Abertura do Evento: 

Dep. Sérgio Souza (Presidente da Frente Parlamentar de Agropecuária – FPA) 

Dep. Danilo Forte (Presidente da Frente Parlamentar de Energia Renovável – FER) 

Dep. Arnaldo Jardim (Vice-Presidente da Frente Parlamentar de Energia Renovável – FER) 

Nilson Leitão (Presidente do Instituto Pensar Agro – IPA) 

  

Primeira mesa: 

Alessandro Gardemann (Presidente da ABiogás) 

Newton Duarte (Presidente da Cogen) 

Evandro Gussi (Presidente da Unica) 

comentários